Série Josias (1 de 4): Uma nova história

Dos 20 reis que governaram Judá, podemos considerar que apenas 8 deles foram reis tementes a Deus – Josias foi um desses. Depois de 55 anos de reinado de Manassés (seu avô) e mais 2 anos de Amon (seu pai), Josias assume o reinado com apenas 8 anos de idade. Mas antes de falarmos de Josias, é importante que a gente pense um pouco sobre esse período de aproximadamente 57 anos onde Judá esteve sob o reinado de seu pai e seu avô. Nesse tempo, o povo de Israel estava sob o domínio da Assíria, a nação que “mandava no mundo” naquela época. Por causa desse domínio, o povo de Judá fazia tudo o que o imperador assírio ordenava. Procurando agradar a Assíria, Manassés estabeleceu em Judá uma série de práticas e costumes abomináveis ao Senhor. Leia II Reis 21.1-6 e entenda exatamente que práticas foram essas. Assim, os anos se passaram até que morre Manassés; Amon dá continuidade ao reinado; ele morre e Josias assume o reinado de Judá.

Em meio a governos tão destrutivos e reprováveis, podemos observar algo diferente no reinado de Josias. Se lermos II Reis 22.2, observaremos o que diz as escrituras sobre ele: “Ele fez o que o Senhor aprova e andou nos caminhos de Davi, seu predecessor, sem desviar-se nem para a direita nem para a esquerda”. Ao longo desse estudo, vamos observar como Josias foi diferente de seu avô e seu pai, e esse fato me ensinou algumas lições.

Deus pode e quer escrever uma nova história a partir de nós! O que isso significa? Significa que muitas vezes, ao olharmos para a nossa história, podemos observar uma série de marcas desagradáveis que podem nos tentar fazer acreditar que devemos, necessariamente, dar continuidade ao ciclo de fracassos cometidos pelos que vieram antes de nós. Mas o que eu aprendo com Josias é que isso não é verdade. Deus pode e quer escrever uma nova história a partir de nós, se assim nós desejarmos. Depende de nossas escolhas! Por exemplo, você pode não ter tido um bom pai ou uma boa mãe, mas a partir de VOCÊ uma nova família pode ser constituída onde os erros do passado podem ser corrigidos. Ou quem sabe você possa ter herdado de alguém um temperamento difícil ou aprendido uma série de costumes e sentimentos danosos, por exemplo, aquela pessoa que diz ter o “gênio forte” da mãe, ou a dificuldade de perdoar do pai, ou o orgulho da família “X”, ou até mesmo a auto-rejeição proveniente de um abandono, um abuso ou uma repressão. Muitos, ao invés de tomarem uma posição contrária a tudo o que aprenderam de errado, preferem a posição mais cômoda: a justificativa. Culpam A ou B por serem quem são, sofrem as conseqüências disso, mas permanecem no mesmo lugar. Quando enxergamos a vida sob a perspectiva da história do rei Josias, podemos aprender que ao invés de justificar um erro baseado no passado, podemos ser a pessoa que vai mudar isso. É preciso escolher ser diferente!

Pense bem, Josias tinha tudo para ser o que seu pai e seu avô foram! Entretanto, o decorrer da história mostra que houve uma mudança, pois um ciclo foi quebrado. Assim como na vida de Josias, Deus também quer estabelecer um novo ciclo a partir de você. Você pode até olhar para trás e não encontrar boas referências e exemplos para imitar, mas com certeza encontra exemplos para não imitar. O segredo é mudar a sua perspectiva de encarar as coisas. Não, você não precisa ser essa pessoa egoísta, agressiva, rebelde, invejosa, insegura ou ciumenta. Não, se o casamento dos seus pais não deu certo, não significa que o seu não vai dar. Não, você não precisa se drogar, adulterar ou se prostituir por causa dos exemplos e referências que você teve. Não, se sua família é marcada por alianças espirituais condenáveis aos olhos de Deus, você não precisa dar continuidade a isso. Não, se você sofreu algum tipo de violência ou abuso, você não precisa viver preso a essa dor e muito menos ser um instrumento de dor para a vida de alguém por conta disso. VOCÊ pode ser diferente, renuncie essas heranças!

Ao invés de se lamentar, erga-se, lute para ser diferente, encare a vida com otimismo e fé. Deus é o maior interessado em nos reconstruir, mas a escolha é nossa, é pessoal e intransferível. Ninguém faz isso por você, nem mesmo Deus. É preciso dizer sim. Tenha coragem de mudar e determinação nas suas escolhas. Dependa exclusivamente do Senhor nesse processo. Você está disposto a permitir que Deus escreva uma nova história a partir de você? Se sim, Ele o fará.

(Continua…)

Thiago Pires (@bolotapires)

About these ads

~ por ministerioentrejovens em outubro 5, 2010.

2 Respostas to “Série Josias (1 de 4): Uma nova história”

  1. parabens pelo blog

  2. Sou prova disso. Vi muitas coisas erradas no casamento dos meus pais e sofri muito durante vários anos. Pensava que não valeria a pena constituir uma família, por achar que seria a mesma coisa. Até que o Senhor me mostrou que poderia ser diferente.
    Uma coisa eu aprendi: Deus nunca vai fazer oq vc tem que fazer, senão seria muito fácil e cômodo pra nós. E a nossa Fé? Como seria exercitada?
    Hoje sou muito feliz. Olho pra trás sem nenhum ressentimento, sem nenhuma mágoa. Hj estou casado e amo mmuuuuuuuuuuuuuito a minha esposa, e peço a Deus sabedoria para não causar feridas em ninguém, muito menos nas pessoas que mais amo.
    Você pode fazer diferença! Isso que vc passou, os problemas, podem se transformar em bem. Muitos que passarem pelo que vc está passando (ou já passou) poderão ser abençoados pelo seu testemunho de vitória. Coloque-se diante de Deus, pois Ele é especialista em transformar o mal em bênção pra sua vida e de outros.
    Fiquem na Paz !!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 53 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: